Rio de Janeiro (RJ) - Foto: Nico Kaiser/FlickrContribuir para que a Secretaria Municipal de Educação (SME) do Rio de Janeiro fortalecesse e aprimorasse seus processos formativos, melhorando ferramentas, instrumentos e procedimentos que orientassem o trabalho de professores itinerantes e qualificando o trabalho de formação sobre educação integral: este foi o objetivo da assessoria de educação integral que a Fundação Itaú Social, sob a coordenação técnica do Cenpec, realizou no município do Rio de Janeiro em 2014.

A estratégia encontrada foi a parceria entre a Gerência de Turno Único e a Escola de Formação Paulo Freire, sustentada em pressupostos políticos e pedagógicos tanto do Cenpec como da Fundação Itaú Social:

A educação que articula atores, espaços e saberes promove efetivamente o desenvolvimento integral da criança e do adolescente;

A educação integral realiza-se por meio de arranjos diversificados e intersetoriais que partilham responsabilidades, de acordo com os contextos locais;

A criação de estratégias integradoras e colaborativas de gestão das escolas e dos sistemas de ensino são condições fundamentais para o desenvolvimento integral do aluno;

A implantação de uma política de educação integral implica na formação continuada dos diferentes atores educacionais.

Trajetória – A ação teve início em 2011, quando foram realizadas visitas às escolas que ofereciam jornada ampliada e reuniões com as equipes técnicas da Secretaria. Na ocasião, elaboraram-se os documentos Impressões Diagnósticas da Visita Técnica e Recomendações para Implementação das Escolas de 7 Horas. Em 2012, foi realizado um processo formativo para 13 técnicos/parceiros das 10 Coordenadorias Regionais (CREs) responsáveis pelo acompanhamento pedagógico das escolas de tempo integral.

No ano de 2013, a continuidade da assessoria previu formação dos técnicos das CREs, no sentido de fortalecer sua função de acompanhamento pedagógico das escolas por meio de encontros de formação (com participação de coordenadores pedagógicos) e do acompanhamento in loco em duas escolas. Também foram realizados encontros de formação com diretores que assumiram escolas em 2013 e com aqueles que iriam assumir as escolas em 2014.

Iniciativa
Marca da Fundação Itaú Social
Coordenação Técnica
Marca da CENPEC